quinta-feira, 5 de dezembro de 2019

A CASA DAS MARÉS - JOJO MOYES

Oi Pockets!
Hoje é dia de falar de uma das minhas escritoras favoritas da vida Jojo Moyes.
Não é muito fácil pois a autora se tornou muito conhecida depois que o livro "Como eu era antes de você" ganhou uma adaptação para o cinema. Este também foi o primeiro livro da autora que li mas, com certeza não foi o ultimo! A escrita fluida da autora me ganhou e fez com que ela se tornasse uma das minha favoritas.
Hoje eu quero dividir com vocês o livro A casa das marés, uma história dividida em três partes e ligadas a uma casa "Arcádia".


Titulo: A casa das Marés
Autora: Jojo Moyes
Editora: Bertrand Brasil
Ano: 2015
Nº de páginas: 476
Classificação:


Sinopse: Merham é uma metódica cidade litorânea na década de 1950. Lottie Swift, acolhida durante a guerra e criada pela respeitável família Holden, ama viver ali, mas Celia, a filha legítima do casal, não vê a hora de ultrapassar as regras da cidade.

Quando um excêntrico grupo de artistas se muda para uma velha mansão construída de frente para o mar, as meninas não resistem à tentação de se aproximarem deles. Mas o choque para os moradores de Merham é inevitável e acaba por desencadear uma série de acontecimentos que terão consequências trágicas e duradouras para todos.

Quase cinquenta anos depois, no início do século 21, a mansão começa a ser restaurada, voltando à vida e, mais uma vez, trazendo à tona intensas emoções. E a magia que permeia a mansão faz com que os personagens confrontem suas lembranças e se perguntem: É possível deixar nosso passado para trás? (Skoob)


Resenha: A casa das marés e uma história dividida em três partes. Na primeira parte da história conhecemos Lottie e Célia duas jovem mulheres que vivem na cidade de Merhan na Inglaterra durante a década de 50. Lottie foi acolhida pela família Holden, composta pelo Dr. Holden, Sra Susan Holden e seus filhos, Célia, Sylvia e Frederick. As jovens Célia e Lottie, apesar de terem idades próximas, tem objetivos muito diferentes. Enquanto Célia sonha com Londres, Lottie ama a cidade e anseia por poder ficar.
A chegada de um grupo de artistas, que se muda para uma casa que a muito estava desocupada, muda toda a cidade, e seus conservadores moradores, se veem curiosos para conhecer estes excêntricos moradores.
Lottie é uma jovem com um passado conturbado e triste e busca ser invisível por medo de ser mandada de volta a Londres. Após um primeiro encontro conturbado com os artistas, elas iniciam uma amizade que acaba provocando um comportamento não aceitável de Célia que culmina na sua ida para Londres com o objetivo de afasta-la das "más línguas".

"A arte como todo o resto, vale o que alguém está preparado a pagar por ela."

Após Célia ser enviada para Londres, Lottie se sente cada vez mais deslocada na família Holden, e o interesse de um jovem da cidade, Joe, a deixa incomodada.
Mas a volta de Célia com seu noivo Guy, muda tudo para Lottie, que se vê apaixonada pelo noivo de sua amiga. Algumas acontecimentos desencadeiam mudanças que impactaram para sempre a vida de todos.


"Não estou falando de Deus. Eu simplesmente acredito que às vezes o destino tem um futuro reservado para nós algo que não podemos imaginar. E para torná-lo viável precisamos continuar acreditando que coisa boas estão por vir."

A segunda e terceira parte da história se passa quase 50 anos depois destes acontecimentos. A casa dos artistas, Arcádia, volta ser o centro das atenções quando o empresario Jones resolve reforma-la e transformar em um hotel de luxo. A contratada para a reforma é a jovem mãe Dayse Parson, uma decoradora que está com sua vida em caos após ser abandonada pelo  companheiro com Ellie uma bebê de apenas cinco meses.
Novamente nos deparamos com a maldade que as fofocas podem causar na vida das pessoas, que palavras não ditas podem causar danos muitas vezes irreparáveis.

"Se você não consegue ver o valor de algo para tomar uma decisão ele não merece ser seu." 

A forma como a historia é contada é um pouco desafiadora pois as primeiras 100 páginas são um pouco lentas, mas depois que você se envolve com os personagens é impossível largar o livro. 

"A arte estava na capacidade que tinam de se reinventar. Na camuflagem na inteligencia, na capacidade de criar versões de si mesmos."

A historia central bem como os personagens secundários são mostrados com sensibilidade e coragem. O amor é apresentado sem preconceitos, seja ele hétero ou homo, através da relação das personagens Adelaine e Frances. A autora aborda de forma sutil e suave assuntos que hoje muitas vezes são tratados aos gritos com punhos cerrados.


"Eu sei. Eu ainda te amo. Mas não sou mais apaixonada por você."

Uma historia de mulheres forte mas também sensíveis e imperfeitas. Obrigadas a fazer escolhas com base na felicidade de seus filhos, muitas vezes acima da sua própria felicidade
A autora mostra varias perspectivas de como se sentes os personagens secundários. Eu mais uma vez fiquei encantada com a escrita da Jojo sempre tão sensível. Despertou em mim novamente a certeza de que esta é uma das minhas autoras favoritas.
E você conhece a escrita desta autora?
Já leu algum livro dela?
Me conta aí nos comentários.   
Beijos e até a próxima...
     

segunda-feira, 2 de dezembro de 2019

DESAFIO LITERÁRIO 2019 - DEZEMBRO


Oi Pockets!!!
Último desafio do ano de 2019! E gostaria de dizer que foi ótimo dividir as leituras com vocês e os desafios. Infelizmente não completei o desafio de novembro, muito correria no trabalho e outras coisas para organizar. 
Mas como esse é o último e tenho pretensão de zerar minha lista de 2019 que me propus, vamos que vamos...
Os desafios do mês são:


1 - Na estante a mas de um ano

Eu escolhi Desencantada da Carina Rissi que tenho desde ano passado, comprei na bienal do livro de São Paulo, onde consegui mais uma vez ver e pegar autografo da diva e super fofa Carina, ela é muito amorzinho. E fico tão feliz quando ela lembra de mim. E além disso, estou ansiosa para ler o novo livro dela Amor sobre encomenda.



2 - Um livro que se passe no natal

Eu descobri essa autora por causa de outro livro sobre o natal, que leremos no blog, ai já coloquei esse na lista para ler, porque é bem curtinho e parece muito bom. Carolina é a protagonista e não gosta de natal, mas ela vai acabar se surpreendendo com o que esse natal preparou para ela.




3 - Um livro de capa vermelha

Esse desafio foi fácil escolher, um livro de capa vermelha, tenho muitos. mas escolhi esse da Giovanna, por ser um livro que já tenho bastante tempo e ainda não li, além de ter ganhado ele de presente de uma amiga especial, que a leitura me trouxe e bem nesse período de natal. 




E até parece que acabou né as leituras, mas não ainda temos leitura coletiva galerinha, e claro que não podíamos deixar de apresentar a vocês. E caso vocês tenham interesse é só nos chamar, que te adicionamos nas nossas LCs da vida. A leitura blog Cultura Pocket vai ser em ritmo natalino e leremos "Onde encontrei meu lar" um conto curtinho de 50 páginas. E firme no projeto da Agatha Christie vamos finalizar a leitura com "A casa do Penhasco".


Nós do cultura Pocket já desejamos um Natal repleto de alegrias e que esse dezembro que se inicia seja um momento de reflexão e agradecimento do ano e das novas esperanças que começa com o mês.

E ai pockets?? o que pretendem ler para finalizar a leitura do ano? Nos conte!


Beijos....

domingo, 1 de dezembro de 2019

DESAFIO DEZEMBRO - 50 PAGINAS POR DIA


Oi pockets!
Nós leitores sempre colocamos a cada inicio de ano uma nova meta para ler, as vezes da certo outras nem tanto.
Hoje nos viemos apresentar para você o desafio 50 paginas por dia.
A escritora Agatha Christie lia 200 livros por ano, mas será que é possível ler tantos livros em apenas uma ano?
Algumas dicas importantes que encontramos no BBC em uma artigo sobre "superleitores" para ler mais rápido são:
  • Aprenda a usar seus olhos para ler mais rapidamente;
  • Fique em boa forma física, para que o seu cérebro tenha mais oxigênio;
  • Aprenda a memorizar capítulos e até livros inteiros;
  • Leia sobre o cérebro e seu funcionamento;
  • Crie um grupo de leitura rápida e estudo com seus amigos.

Outra dica legal e separar alguns minutos dentro da rotina para ler (15 minutos), ter sempre a mão uma leitura ajuda bastante, eu por exemplo sempre que preciso aguardar em filas, consultório entre outro aproveito para ler.

Então agora vamos entender como participar do nosso "Desafio 50 Paginas" que começa dia 05/12 e vai até dia 30/12:
  • O primeiro passo e preencher o formulário para que possamos te conhecer melhor Aqui.
  • Ter um lista de livros que gostaria de ler e criar as metas diárias mais fáceis de atingir, no nosso caso 50 paginas diárias, teremos uma planilha para você controlar suas leituras.
  • Criamos também uma recompensa para estimular sua leitura, o participante que conseguir ler mais paginas ganhara um livro novinho para ler em 2020, o segundo e terceiro colocado ganham um livro usado em bom estado, o quarto colocado ganha mimos como marcadores e boton
E para não flopar no desafio fica ligadinho no seguinte:
  • Leia por vontade própria e não por obrigação, isso diminui as chances de você desistir.
  • Separe pelo menos uma hora do seu dia para leitura mesmo que seja em intervalos de 15 minutos.
  • Aproveite para ler em momentos improdutivos do seu dia, as já mencionadas filas e esperas.
  • Ter mais de uma opção de leitura pode ajudar muito, mas como não dá para carregar vários livros ter um leitor digital pode ajudar.


Então vamos lá tentar colocar a leitura em dia.
Beijos...