quinta-feira, 4 de abril de 2019

DESAFIO LITERÁRIO 2019 - ABRIL


Oi Pockets!!!
Como no dia 20 de março iniciou o outono resolvi deixar este post com uma cara bem de outono rsrsrs.
Hoje é aquele dia que a gente vem aqui no blog te desafiar e mostrar quais são as nossas propostas para o desafio de Abril. Escolhi este mês livros que com certeza você também vai se divertir muito se ler com a gente.
Então vamos conhecer os desafios e livros escolhidos.


01 - Livro título com uma só palavra: Passarinha - Kathryn Erskine
Escolhi este livro pois já queia a muito tempo ler ele e sempre adiva nem sei porque. Mas no dia 02 de Abril algumas amigas que tem filhos no espectro chamaram a atenção para a importância de conhecermos melhor esta síndrome. Neste livro da editora Valentina o leitor e convidado a conhecer a mente de uma criança portadora da Síndrome de Asperger. Todos que a leram falaram de como a história é tocante. Então agora é minha vez de me emocionar com a Caitlin.


02 - Um autor que você nunca leu: Mindhunter - John Douglas e Mark Olshaker
Este livro foi escolhido por votação no nosso grupo de leitura Coletiva. Ele deve ser um dos últimos que lerei este mês, mas como eu já assisti a serie de mesmo nome inspirada no livro teno uma ideia do que esperar. No livro encontraremos detalhes assustadores de alguns dos casos mais terríveis, fascinantes e desafiadores do FBI.
Você pode ler este com a gente, é só me mandar uma mensagem que te adicionaremos ao grupo. Começaremos esta Leitura no Dia 23 de Abril.
Me desejem sorte acho que neste vou precisar!!!


03 - Um E-book: Os quatro grandes  Agatha Christie
Este será minha primeira leitura do mês. Ele faz parte da leitura coletiva organizada por uma amiga que propôs ler toda a obra da autora ( se não me engano pelo ordem de lançamento). Eu estou adorando pois sempre me divirto com a Agatha e seu Poirot sou sempre enganada por eles também kkkk
Nesta historia Poirot estava se preparando para vir para o Brasil (olha só). Claro que vai ter muito mistérios, mortes a serem desvendadas. Vou me divertir.

TRB do Desafio de Abril 2019

Claro que a TBR não vai parar por ai! Mas estes foram escolhidos para atender ao desafio de abril.
E você gosta de desafios?
Já leu algum destes livros?
Me conta ai nos comentários quero saber tudo.
Se resolver tentar o desafio coloca  a #DesafioLiterario2019CP que eu quero curtir.

Beijos...








segunda-feira, 1 de abril de 2019

PERSUASÃO JANE AUSTEN - A HORA DO CHÁ



Oi pockets!
Hoje a nossa "Hora do chá" será na companhia de uma das maiores autoras da literatura inglesa, Jane Austen.
O livro em questão "Persuasão", que inicialmente recebeu o nome de "The Elliots" e depois sendo renomeado para o nome que o conhecemos foi publicado em 1818.
Este livro faz parte de uma série de leituras que realizamos para ler a obra completa da autora.
Apesar de não ser o livro mais badalado desta autora, ele está entre as melhores obras escrita pela autora  na minha humilde opinião.
Nossa trama se inicia em Kellynch Hall, com o Sir Walter Elliot um baronete decadente e extremamente vaidoso, pai de Elizabeth, Anne e Mary, que se encontra em sérios problemas financeiros.

"Vaidade era o início e o fim da personalidade de Sir Walter,  vaidade pela sua própria pessoa e posição."

"Temos de ser severas e firmes... Pois afinal de contas, quem contrai dívidas tem de pagá-las;"

Sem muita alternativa ele é persuadido a alugar a casa da família para o almirante Croft e sua esposa e se mudar com as filhas para Bath. Neste momento começamos a conhecer nossa heroína. Anne Elliot e uma pessoa extremamente sensata. Senda a filha do meio, e principalmente não é a favorita do pai, sua opinião tem pouco valor para ele e sua irmã mais velha Elizabeth. Porém a jovem e muito querida por Lady Russell, uma grande amiga de sua falecida mãe e que a tomou como pupila após o falecimento da mesma. Anne e dócil e submissa, sofrendo por estar sendo tirada de sua casa e se mudando para uma cidade a qual não tem nenhuma afinidade. Resolve passar um tempo com sua irmã Mary, filha caçula, casada com Charles Musgrove. Mas sua mudança esconde também o desejo de não se encontrar mais com o irmão da mais nova inquilino de seu pai e que foi um grande amor do passado, Frederick Wentwort.
Este é um dos romance desta autora em que podemos perceber que há várias mudanças de cenários durante a história. Até entendermos os motivos que levaram a então jovem Anne a rejeitar o pedido de casamento de Frederick no passado, vamos sofrendo junto com ela. Frederick a trata com muito desdém e demonstra interesse pelas jovens cunhadas de sua irma fazendo com que nossa heroína sofra muito.


Anne se mostra uma personagem com convicções sólidas e bom temperamento. E mesmo em momentos onde ela deveria se exaltar podemos perceber sua capacidade de ser uma pessoa boa. A presença constante de seu grande amor e seu possível interesse nas jovens nos leva a várias reflexões.  Alguns acontecimentos enquanto ela visita a cidade de Line na companhia da família de sua irmã e dé Frederick serão essenciais para que eles possam se conhecer melhor depois de tantos anos.
"O privilégio que reclamo para meu sexos... não é muito invejável,  não precisa cobiça-lo... É o de amar mais tempo, quando a existência ou a esperança já desapareceram."

Eu amei está história ela tem muitos elementos que já tinha visto na escrita da Jane. Personagens que já nos despertam ranço com um parágrafo, os interesseiros, os vaidosos, os cômicos.  Mas este trouxe uma mocinha que amadureceu, quase como se refletisse o próprio amadurecimento da autora. Um amor que terá de resistir a problemas e o tempo para se provar.

"Já não consigo mais permanecer em silêncio. Tenho de falar pelos meios ao meu alcance. (...)  Sinto-me entre a agonia e a esperança. Na me diga que é muito tarde, que sentimentos tão preciosos morreram para sempre."

Eu sugiro que se você nunca leu uma história desta autora, esta pode ser a melhor para você começar. Linda, romântica e rápida de ler.
Me conta aí se você já leu Jane Austen? 
Qual seu livro favorito da autora, se já se apaixonou por um dos mocinhos dela?

Beijos, até nosso próximo chá.




quarta-feira, 13 de março de 2019

SEX EDUCATION - RESENHA


Oi Pockets!!!
Hoje é dia de trazer um pouquinho de serie para vocês.
A dica da vez é o seriado de comédia dramática britânico Sex Education, crida por Laurie Nunn que estreou em janeiro de 2019 na NETFLIX. 
A primeira temporada conta com 8 episódios portanto é fácil de fazer maratona  e vale super a pena.
Neste seriado acompanhamos o adolescente Otis de 16 anos, filho de uma terapeuta sexual divorciada Jean, seu melhor amigo Eric e Maeve.
Otis é virgem e desajeitado porem se junta a Maeve, uma jovem esperta de uma família disfuncional para ganara uma grana oferecendo conselhos "clínicos" sexual para os adolescentes com problemas na escola em que estudam.
E você pode pensar, só mais uma serie adolescente que se passa no colégio, mas ai é que se engana. Os clichês e esteriótipos são utilizados exatamente para serem desconstruídos.     

"A sexualidade humana é mais diversa do que se pode imaginar, e cada pessoa tem um histórico de experiências únicas."

Apesar de se tratar de comédia, a serie aborda muitos assuntos de forma direta sem mistificar, no inicio percebemos que Otis tem muito conhecimento técnico e pouca experiência no assunto mas, a sensibilidade dele  ao falar com outros jovens e entender os medos que vão além  dos problemas sexual.


O prolema e Otis gosta de Maeve, que gosta de Jakson.

Maeve é inteligente mas, apesar da fachada de durona, você vai percebendo todas as suas inseguranças, ela gosta de Jackson, um jovem com um futuro promissor no esporte (natação) popular é em gato.
Ainda temos no elenco principal o melhor amigo Eric, que é homossexual e terá suas próprias batalhas a lutar.

São temas atuais e importantes de serem tratados discutidos pela sociedade: Aborto, homossexualidade, família, espaço, prazer, relacionamentos amorosos e entre pais e filhos .

Eu levei dois dias para assistir a primeira temporada oi maratona mesmo. e gostei muito como oram abordados os temas, que apesar do humor, não ridiculariza as situações que são engraçadas mas não banalizadas. O seriado e indicado para jovens acima de 16 anos pois aborda de forma direta o tema proposto.
O legal é que já foi confirmado a renovação para uma segunda temporada. Claro que eu vou ver.
E você já assistiu esta serie?
Gostou? Não gostou?
Me conta ai nos comentários, eu quero saber sua opinião!

Beijos...